langage change

Immigration Bureau of Japan

sp menu

1 Conceito de proteção das vítimas

ADOBE READER

1 Conceito de proteção das vítimas

No Departamento de Imigração, tendo suficientemente em conta a posição da vítima do tráfico humano, com base no pedido, etc, da vítima, e pelo ponto de vista de proteção da vítima, caso a vítima seja um(a) residente comum, estaremos permitindo a renovação do período de estadia e a alteração do status.

Caso a vítima esteja em estado de violação da Lei de Controle de Imigração, como em excesso do período autorizado, etc, da mesma forma, tendo suficientemente em conta a posição da vítima, com base no pedido, etc, da vítima, e pelo ponto de vista de proteção da vítima,

  1. (1) Perigo de vida/físico no caso de voltar ao país
  2. (2) Necessidade de proteção da condição física e mental da vítima
  3. (3) Cooperação no processo penal (acusação do autor, etc.)

Em consideração com as circunstâncias acima, sem acolher substancialmente realizando uma operação resiliente de liberdade provisória, será realizada uma autorização de residência especial, trabalhando para estabilizar o estatuto jurídico da vítima.

Ainda, se após isso desejar permanecer continuamente no Japão, tendo em conta as circunstâncias individuais de forma abrangente, será possível estudar a renovação do período de estadia e a alteração de status.

No entanto, para cada procedimento de exame de desembarque, exame de residência, e deportação, é necessário observar os seguintes pontos:

  • No caso de questionar a vítima ou a pessoa com possibilidade de ser vítima (vítima, etc), será realizado no horário e local considerando suficientemente a condição física, mental e a privacidade da vítima, etc, e na medida do possível, promovendo a compreensão mútua através da interpretação da língua nativa. Além disso, quando a vítima, etc, for mulher, na medida do possível será atendida por uma encarregada feminina para dissipar a sensação de insegurança. No entanto, obviamente, não obrigaremos o testemunho.

  • Em relação ao conteúdo questionado, obviamente como as questões de identidade, será uma confidencialidade completa de modo a não ser passado para o empregador da vítima, etc, acompanhantes ou pessoas que podem ser suas afiliadas. Em particular, no caso das vítimas, etc, que fugiram de corretores, etc, estarem protegidas sob custódia em abrigos privados, etc, vamos prestar muita atenção para que não ocorra a possibilidade de causar danos às vítimas, etc, ao revelar o paradeiro dessas vítimas, etc.

[Lista de balcões de consulta/ fornecimento de informações em relação ao tráfico humano]